terça-feira, 13 de abril de 2010

Bianca 104 - Amor sem redenção - Linda Shand

Um sinal de ultrapassagem, um caminhão na pista contrária, freadas bruscas... e a colisão inevitável! A enfermeira Alison Palmer estava indo para o hospital, onde ia trabalhar, quando o dr. Richard Langford provocou o acidente que matou a acompanhante dele. Foi dessa maneira trágica e infeliz que Alison caiu nas mãos daquele homem sem coração, que seria seu carrasco. Mesmo assim, apaixonou-se perdidamente e, tola demais, demonstrou isso. Não devia ter fraquejado, pois Richard se aproveitou, obrigando-a a usar aquele maldito anel de noivado, símbolo da sua força, recompensa pela morte da mulher que ele tinha amado.

Bianca 103 - Amargo regresso - Elizabeth Ashton

Hoje Frances sabia por que aceitara casar com Gray Crawford: tinha sido por amor. Percebia que não era correspondida, mas, jovem e inexperiente, cedeu ao impulso de ligar-se àquele homem. Talvez, com o tempo… Porém, Frances não teve chance: assim que o casamento foi consumado, Gray desapareceu, inexplicavelmente. Passaram-se dezoito meses antes de ele regressar. E antes não tivesse voltado! Agora, diante dele, ela se perguntava o que era pior: sofrer longe de Gray ou sofrer ao seu lado? Sim, porque Gray havia se transformado num homem muito diferente, transtornado, amargo. E odiava Frances como a uma inimiga!

Bianca 102 - Passaporte para o Caribe - Lydia Balmain


Quem visse a enfermeira Cora Summers, linda, jovem, competente e com um passaporte rumo ao Caribe, diria: Ela tem é sorte! Mas seria sorte sofrer as pressões da enfermeira Hart, desde que pusera os pés naquele hospital do Caribe? Para afastá-la do dr. Kenning, que Cora adora­va, para arruinar a sua carreira, essa mu­lher fazia de tudo: dava-lhe as piores tare­fas, falava mal dela. E de nada adianta­vam beleza e juventude; de nada adianta­va amar aquele homem, porque ela ja­mais conseguiria apagar tantas mentiras. Para Philip Kenning o que Cora oferecia era um falso amor, um meio de agarrar-se ao emprego.

Bianca 101 - Perfume dos lírios do oriente - Sue Peters

Como esquecer os lírios do Oriente, que tinham inundado com um perfume inebriante a sala da embaixada, no dia do seu casamento? Um casamento de favor, é verdade, para salvar a vida de Netta, pois daquela guerra ela só escaparia se casasse com Joseph de Courcey. Ele não a amava, mas seria o dono de seus atos, de sua vida, de seu corpo, até que o compromisso terminasse. E agora, a salvo, Netta aguardava, desesperada, esse momento. Carregava o filho de Joseph no ventre e, no coração, uma paixão irremediável. Mas as palavras dele tinham sido bem claras: "Este casamento é uma mentira, é só para tirá-la daqui com vida".

Bianca 100 - Calúnia! - Jan Haye

Myrna Hope, convalescendo de uma forte pneumonia, partiu para a França para assumir o único trabalho que a sua saúde permitia: cuidar de uma jovem senhora que sofria do coração. Porém, no Castelo de Bois, convivendo com aquela família prepotente, Myrna sofreu amargas decepções. Vigiada, carregava até a suspeita de um roubo. Mas ali, também, encontrou o verdadeiro amor, um amor que nasceu ameaçado pela intriga. O Dr. De la Rue, o homem que despertou nela uma paixão voraz, jamais acreditaria na sua inocência. E ela, difamada, traída, indefesa, afundava cada vez mais para um abismo de onde ninguém, nem mesmo o homem que ela amava, conseguiria salvá-la.

domingo, 24 de janeiro de 2010

Bianca 99 - Relação Incestuosa - Charlotte Lamb

Sentada no parque, sozinha e sem esperança, Cléa implorava ao vento que varria as folhas para carregar também a sua tristeza. Aquele outono inglês estava matando o seu coração. Torturada, tinha deixado o sol e o calor da Grécia, levando na bagagem uma dúvida terrível: seria verdade que o austero Kerasteri, o seu padrasto adorado, nutria por ela uma paixão incestuosa? Fugira para Londres para esquecer e recomeçar nova vida, mas tinha encontrado uma tristeza ainda mais dolorosa: Ben Winter, aquele grego que ela amava perdidamente, o homem que tinha dado sabor e sentido à sua vida era um egoísta! Ele a queria apenas como um objeto de prazer.

Bianca 98 - Entre o amor e o prazer - Lynne Collins

A enfermeira Jéssica esperava há seis anos que Clive Mortimer marcasse a data do casamento, mas ele não queria assumir esse compromisso... ainda. Quando, então? Quando se cansasse de colecionar aventuras baratas? Que vergonha! Todos no hospital sabiam da sua história. Pior: de todas as suas amigas, só ela não se casara ainda. Era uma tonta mesmo. Será que não tinha chegado a hora de se entregar de uma vez a Lester Thorn, aquele estranho sedutor que a queria? Ainda mais que ele sabia como despertar seu desejo, como deixá-la louca de amor. Mas como poderia se entregar a Lester, se era Clive quem ela amava?

Bianca 97 - Casamento Cigano - Anne Mather


A música dos violinos, as fogueiras, a dança, o desejo que sentia por François... Quando percebeu, Dionne estava bebendo vinho da mesma taça que ele e trocando votos numa cerimônia de casamento cigano. Daquela noite de paixão e êxtase, o que restava agora? Um filho e a dolorosa certeza de ler sido usada e abandonada pelo milionário François St. Salvador. Mas três anos e a rejeição dele não haviam destruído seu amor, e ainda tremia só de pensar em revê-lo. No entanto, tinha de voltar à França e enfrenlá-lo. Só François poderia lhe dar o dinheiro para o tratamenlo do filho. E, pelo pequeno Jonathan, Dionne seria capaz de tudo. Até de se humilhar diante do homem que destruíra a sua vida!

Bianca 96 - Mentira que atormenta - Joyce Dingwell

Fiona sorriu, quando se lembrou de sua casa na Escócia, onde os campos eram verdes e cultivados, e não aquela planície sem fim, onde o capim parecia tremer sob o calor do sol. Sorriu, mas estava atormentada. Jamais pensou que, por amor ao seu sobrinho órfão, iria deixar a tia que a criara e o seu noivo, Gray, para viver numa fazenda na Austrália. Mas o pai do menino, que não conhecia Fiona, tinha exigido a tutela do garoto. Para ficar ao lado dele, Fiona mentiu e foi junto, fingindo ser cozinheira. E agora, estava com um terrível dilema: se ficasse, poderia perder o amor de Gray e, ao mesmo tempo, a companhia de seu querido sobrinho, pois sua mentira poderia ser desmascarada a qualquer momento...

Bianca 95 - A sedutora - Kay Thorpe

O destino mudou inesperadamente a vida de Claire, quando ela foi forçada a partir para a Tanzânia, em uma viagem que lhe traria amargas surpresas. Rica, bonita e mimada, Claire conseguia tudo o que queria. Mas no calor da agreste paisagem da Tanzânia, ela se apaixonou por Rod Gilvray, um homem para o qual ela não passava de uma boneca de luxo, fútil e egoísta. Inconformada, Claire resolveu usar todas as armas para atraí-lo. Sabia que Rod a achava muito sensual, e já que nunca conquistaria o seu coração, pelo menos teria alguns momentos de prazer ao lado dele. Mas, valeria a pena? Depois que tudo acabasse sua vida não se transformaria num inferno de angústia e solidão?